Nesta segunda-feira, 12, a Prefeitura de Manaus emitiu um alerta a população sobre cadastros socioeconômicos e de documentos para regularização fundiária, que só estão sendo realizados em áreas adjacentes do bairro Jorge Teixeira e na comunidade Coliseu, ambos na zona Leste de Manaus.

O alerta decorre de denúncias sobre pessoas não autorizadas, que estariam usando indevidamente o nome da gestão municipal, para cometer crimes de estelionato.

A Vice-Presidência de Habitação e Assuntos Fundiários (Vprehaf) não está realizando novo cadastro ou ações fora dos locais citados. As equipes oficiais estão devidamente identificadas, com coletes e crachás e, em caso de dúvida, o cidadão pode entrar em contato com o órgão municipal, ligando para os números (92) 98844-2001 e 98842-4669.

“Não estamos fazendo novo cadastramento, nem autorizamos qualquer instituição, Organização Não Governamental (ONG), associação ou pessoa a realizar cadastro. Também não é feita qualquer cobrança quando a Prefeitura de Manaus realiza o serviço. Este não é nosso procedimento. Temos cronograma e todos são amplamente divulgados. Caso alguém tenha feito alguma negociação com um suspeito, envolvendo cadastro, a orientação é procurar uma delegacia, fazer a denúncia à polícia e um Boletim de Ocorrência”, explicou o vice-presidente Renato Queiroz.

Antes de fornecer informações pessoais em cadastramentos, a população deve verificar se a Prefeitura de Manaus está realizando alguma ação oficial, nos números informados acima. Agendamentos e informações podem ser solicitadas via e-mail pelo [email protected] Denúncias também podem ser feitas pelo telefone (92) 98844-2001, em horário comercial.

Com informações da Prefeitura de Manaus