Foto: Alan Santos/PR

BRASÍLIA – Laura Bolsonaro, filha de Jair Bolsonaro, de 11 anos, está prestes a ter uma vaga garantida no Colégio Militar de Brasília (CMB) sem passar pelo processo seletivo. Na última semana, funcionários do colégio foram avisados de que Laura deverá cursar o 6º ano do ensino fundamental na escola.

Em 24 de agosto, Bolsonaro disse a apoiadores no Palácio da Alvorada que desejava que a filha fosse matriculada no CMB. “A minha [filha] deve ir ano que vem pra lá [Colégio Militar]. A imprensa já está batendo. Ela tem direito por lei, até por questão de segurança”, declarou. O Exército precisa aprovar o pedido.

No ano passado, a deputada bolsonarista Carla Zambelli conseguiu que seu filho, também de 11 anos, entrasse para o colégio sem fazer as provas de seleção. A deputada alegou questões de segurança para solicitar a matrícula ao Exército.