(Foto: reprodução)

Manaus/AM – Lucas Franklin de Souza Coelho, de 22 anos, gerente do banco Santander em Manaus, foi preso por desviar uma quantia milionária de um cliente.

De acordo com informações do delegado da Delegacia Especializada em Roubos e Furtos de Veículos (DERFV), a quantia foi de R$ 1,8 milhão.

Na ocasião foram apreendidos um veículo modelo HB20, notebooks e aparelhos celulares, que foram enviados à perícia. Também constatou que mesmo com o salário de R$ 4 mil, “ele ostentava e fazia viagens, o que não faz sentido com o salário que recebia”. A ação policial ocorrida no bairro Armando Mendes, zona leste de Manaus.

Segundo o delegado Aldeney Goes, titular da DERFV, as diligências em torno do caso iniciaram após representantes da instituição financeira comparecerem à Especializada para denunciar o crime. Na época, foi relatado que dois indivíduos foram até a agência bancária, em que foram atendidos por Lucas, que era gerente financeiro da instituição. Lucas habilitou o celular de um dos indivíduos, uma senha que permitia que eles transferissem a quantia de R$ 1,8 milhão para contas diversas.

“Na ocasião do crime, na agência bancária, foi constatada uma movimentação atípica, e de imediato a ação foi bloqueada. Os representantes vieram à delegacia e formalizaram a denúncia e solicitaram a instauração de um Inquérito Policial (IPL), momento em que iniciamos as investigações a fim de elucidar o caso”, explicou o delegado.

Ainda segundo o policial, foi solicitado à Justiça pelos mandados de busca e apreensão e de prisão temporária em nome do autor, e as ordens judiciais foram expedidas no dia 16 de junho, pela juíza Careen Aguiar Fernandes, da Central de Inquéritos.

Lucas Franklin responderá pelos crimes de estelionato e associação criminosa. Após os procedimentos cabíveis, ele será encaminhado para a Central de Recebimento e Triagem (CRT), onde ficará à disposição da Justiça.