Mães chefes de família continuam recebendo auxílio emergencial em dobro

A prorrogação foi divulgada em Medida Provisória (MP), que começa a valer imediatamente
Share on facebook
Share on whatsapp
Share on email
Share on twitter

Brasil – O governo de Bolsonaro divulgou há algumas semanas que o auxílio emergencial seria prorrogado mais uma vez. A prorrogação pagará parcelas mensais de R$ 300 entre setembro e dezembro, diferente dos originais R$ 600.

A prorrogação foi divulgada em Medida Provisória (MP), que começa a valer imediatamente.

A Medida Provisória alterou alguns dos critérios sobre os beneficiários. Portanto, não é necessário fazer um novo cadastro para receber a prorrogação. Entretanto, todos os beneficiários serão reavaliados e nem todos podem passar pelos novos requisitos.

Uma dúvida comum sobre o assunto diz respeito ao valor que será pago para mães chefes de família. A princípio, nas cinco primeiras parcelas de R$ 600, as mães chefes de família recebiam R$ 1,2 mil em cada pagamento do mês.

Agora, nas quatro parcelas adicionais, as mães chefes de família que continuarem cumprindo aos requisitos receberão R$ 600 por mês.

Fonte: BNC

Relacionado Posts