Foto: Reprodução

SÃO PAULO – Um policial militar, de 44 anos, é acusado de atirar em quatro pessoas, da mesma família, dentro de um mercado no último domingo (9), em São Bernardo do Campo, no interior de São Paulo.

As vítimas são duas mulheres, de 39 e 65 anos, e dois homens, de 43 e 44 anos. Todos trabalhavam dentro do estabelecimento comercial, que iria ser reinaugurado, e está localizado na Estrada da Cooperativa, no bairro Alves Dias.

As vítimas dos disparos foram socorridas no Hospital Assunção, mas a mulher de 65 anos não resistiu aos ferimentos e morreu. O policial que teria efetuado os disparos também foi atingido e levado ao Hospital Mário Covas. O PM foi autuado em flagrante.

Segundo a Secretaria de Segurança Pública do Estado de São Paulo, um celular, o revólver calibre 38 e munições usados no crime foram apreendidos. O caso foi registrado como homicídio qualificado pelo 3º Distrito Policial de São Bernardo do Campo, que solicitou perícia ao Instituto de Criminalística (IC).