Na última quinta- feira (18), Raul Pino, diretor do Departamento de Saúde da Flórida no condado de Orange, flagrou duas mulheres se disfarçando de idosas para conseguir a segunda dose da vacina contra Covid-19.

Segundo o gabinete do xerife, as duas têm entre 44 e 34 anos de idade. Elas chegaram ao local de imunização usando gorros, luvas e óculos na tentativa de receber as vacinas, disse o diretor durante coletiva de imprensa.

As mesmas tinham os cartões de vacinação válidos com a primeira dose do imunizante. Elas não receberam a segunda dose por apresentarem problemas com os documentos de identidade. A data do nascimento não era a mesma que elas usaram para receber a primeira dose, embora o nome fosse o mesmo.

Ainda não se sabe como as duas conseguiram a primeira dose da vacina.

Medidas de segurança foram reforçadas no local. “Este é o commodity mais quente que há no momento”. “Temos que ser cautelosos com os fundos e recursos que recebemos”. Disse Pino

A Flórida está dando prioridade a vacinação para idosos com mais de 65 anos, residentes de instituições de longa permanência e profissionais de saúde com contato direto com pacientes.

O gabinete do xerife do condado de Orange informou que emitiu advertências para as envolvidas no caso.

Confira:

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui