Eleições – No pleito municipal deste ano, os candidatos ao cargo de prefeito de Manaus pelo Partido dos Trabalhadores (PT), preferiram trocar o tradicional vermelho por outras cores e “disfarçando” o principal símbolo da sigla, a estrela. A ideia seria uma estratégia para “suavizar” suas imagens com o partido.

O PT segue bastante desgastado desde o ano de 2016, quando a então presidenta Dilma Rousseff sofreu impeachmente e os escândalos da Operação Lava Jato vieram à tona. Em 2020, o partido tem 64 candidatos ao cargo de vereador e apenas um candidato concorrendo à prefeitura, com José Ricardo.

O candidato a vereador Thiago Medeiros decidiu trocar a cor que representa a classe trabalhadora em sua campanha pela cor laranja.

Assim como ele, o delegado João Tayah optou pela cor verde e pelo amarelo claro, apesar de manter discretamente a estrela e usar, em poucos detalhes, a cor vermelha.

A candidata Bruna La Close, uma das principais representantes da comunidade LGBTQI+ no partido, decidiu utilizar as cores da comunidade para destacar a diversidade defendida na classe.

Não se sabe se a mudança de layout é realmente uma jogada de marketing e visual gráfico, mas definitivamente não tem nada a ver com ruptura ou desvinculação com o partido, tendo em vista que, através das redes sociais, os candidatos continuam firmes nos ideais petistas. 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui